O empréstimo e a isenção na conta de energia: uma resposta à crise do coronavírus?

Para diminuir a consequência das atividades econômicas no surto do Covid-19 novo coronavírus, e os governos estaduais e federal anunciou incentivos para empresas e indivíduos. As medidas, que incluem a expandir as linhas de crédito do BNDES e isenções de taxas de consumo da população, e a nova liberação de saque do FGTS.

O que o Coronavírus, pode causar em nossa economia?

Os decretos para o fechamento de lojas e serviços que não são essenciais, em todas as regiões do Brasil, isso afetará diretamente o volume de negócios das empresas, durante um surto. Agora as empresas que já estava tendo problemas em sentido financeiro, Correriam um serio perigo de fechar suas portas se nenhuma ação foi tomada.

Para evitar este cenário, o presidente, Jair, bolsonaro, juntamente com Montezano, o presidente do BNDES, anunciou um investimento de bilhões, e medidas de emergência para a presente crise.

Leia também: O saque do FGTS pode ajudar com a luta contra a epidemia

Os governadores de diversos estados, estão em busca de soluções para diminuir os danos aos mais pobres nesse tempo ruim que estamos passando.

Nos estados do Ceará e de São Paulo, foi anunciado que a isenção da tarifa de água para famílias de baixa renda, e a Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro,  tem também aprovou um projeto de lei que proíbe os cortes de energia, água e gás para a duração da epidemia.

A crise é causada por um novo coronavírus, não é apenas um problema de saúde pública, e o confinamento social, ele também pode levar milhões de empregos e, consequentemente, a uma redução da renda de grande parte da população.

As estimativas da Organização Internacional do Trabalho (OIT), é que, na atual situação, você deve acabar com 24,7 milhões de empregos em todo o mundo. Este montante sera  ainda mais grave do que durante a crise financeira de 2008, com 22 milhões de empregos que foram perdidos.

As medidas, anunciadas recentemente, pode ajudar a manter os mais de 2 milhões de postos de trabalho, de acordo com estimativas da própria sociedade brasileira.

Por isso este incentivos do banco BNDES

Micro, pequenas e médias empresas terá linhas de crédito do BNDES, Crédito para Pequenas Empresas um total de us$ 5 bilhões, com 24 meses de período de espera, ou carência e até 5 anos para pagar a dívida.

Para as empresas que operam em setores mais afetados pela crise, há ainda a possibilidade de suspensão das parcelas do financiamento com o banco nacional de desenvolvimento por até 6 meses.



A medida tomada poderá economizar até us$ 30 bilhões nos caixas das instituições do setor privado.

Mesmo com a possibilidade de agora reduzir as cargas de horas trabalhadas em função da crise que e estamos passando, a maioria das empresas não têm dinheiro suficiente para manter seus funcionários, isso e um fato e não podemos fingir que esta tudo bem.

As medidas vão beneficiar também os trabalhadores diretamente, Montezano anunciou a transferência de us$ 20 bilhões do Fundo e do PIS-PASEP para o FGTS, o valor será financiado com os novos liberações de saque pra quem tiver direito.

Os critérios para a que tem direito a um novo projeto ainda não foi estabelecido, nem a programação do lançamento ou liberação oficial. O ministro das finanças ou economia, Paulo Guedes, disse que o estudo limitara o saque ao teto do benefícios de segurança social, atualmente em R$ 6.101,06.

Apenas com as medidas anunciadas, o BNDS vai injetar R$ 55 bilhões para a nossa economia e um plano para preservar mais de 150 mil empresas no brasil, o valor já é maior do que o todo do retorno sobre o investimento em 2019.

Muitos países também adotaram estratégias semelhantes para a última semana, e o principal objetivo é evitar falências e apoio para aqueles vulneráveis da população, que é, durante o período de quarentena, que ele terá de enfrentar sérias dificuldades financeiras.

Vai ser necessário união de todos e um trabalho em conjunto com toda a sociedade, para que unidos possamos vencer esse vírus convid 19, e passarmos deste período difícil.

Leia também: Bolsa Família regra para 2020, saiba como fazer o empréstimo.

Apesar das consequências económicas, o confinamento ou quarentena de proteção social são mais eficazes em retardar a transmissão do vírus, evitando, assim, o colapso do sistema de saúde e assegurar que eles tenham acesso aos cuidados de que necessita.

Na última quinta-feira (29 de março), os distribuidores nao aceitaram a proposta de suspensão do projeto de conta de luz por causa do corona vírus. De acordo com a associação de medida, pode gerar uma inadimplência generalizada no setor da electricidade, o que a longo prazo você pode querer trazer um alto nível de dano.

As iniciativas no setor público, envolvendo incentivos, empréstimos e a isenção das contas de energia podem, inicialmente, para ajudar as finanças do brasileiro de classe a, B, C e D. no entanto, tais medidas não podem ser de longa duração. Se não, eles deixarão de ser eficaz, e você vai estar em apuros com os departamentos do governo ou do setor privado.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *